Atrazo Frequente pode ser um Sintoma de Auto Sabotagem


Você é uma daquelas pessoas que parece sempre chegar atrasada em todos os compromissos? Bem, segundo o cientista Tim Urban é preciso ficar alerta, isso pode ser um sintoma de insanidade. 

Segundo o cientista, chegar sempre atrasado pode ser um sintoma crônico de auto-sabotagem. E ele afirma que existem três razões pelas quais as pessoas estão sempre atrasadas : alguns estão em negação sobre como funciona o tempo, outras podem estar sofrendo de um tipo de aversão à evolução das circunstâncias, ou melhor, as mudanças, e, em alguns casos,  podem ser pessoas com a verdadeira insanidade ou demência.

A boa notícia é que para o professor de psicologia da Universidade de Michigan, Richard E Nisbett, existe grande possibilidade das pessoas que tem este hábito do atraso mudarem esta situação. Segundo o professor, estar atrasado é um sintoma de desorganização ou hostilidade, que por sí estão dentro de áreas totalmente controláveis pelo ser humano.

Ele esclarece que as áreas mentais afetadas por quem se atrasa, são as mesmas áreas afetadas por pessoas que tem Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Na verdade, a maioria das pessoas que sofrem com TDAH reclamam que lutam contra o tempo.

Alguns psicólogos também acreditam que o atraso crônico pode ser um sintoma de depressão. Em um estudo realizado em São Francisco, 17% dos entrevistados estavam atrasados com frequência. Mas o interessante é que destes 17%, muitos apresentaram comportamentos semelhantes, incluindo problemas com ansiedade e auto-controle.

Esses dados nos levam a refletir sobre a frequência dos nossos próprios atrasos. Por isso a Magazine Feminina resolveu dar umas dicas para lhe ajudar a diagnosticar e melhorar estas questões de atraso. Vejamos:

Tem algo errado com alguma área da minha vida

Se você costuma chegar sempre no horário certo para consultas médicas, eventos, cinema, encontro com os amigos, passeios e outras atividades e laser, mas só se atrasa para atividades de trabalho, escola, faculdade ou outros cursos, talvez você não seja o problema. Quando a gente não gosta muito de fazer alguma atividade, é mais do que natural protelar ela, nem que seja por alguns minutos. Mas chegar atrasado no trabalho não é legal. Neste caso, o ideal seria arrumar um outro trabalho que você seja mais feliz. Não custa tentar.

Se você chega com frequência atrasado para a faculdade, talvez você esteja fazendo o curso errado. Ou se for uma questão de deslocamento do trabalho para a faculdade, tente acordar com o seu chefe para chegar 15 minutos mais cedo e sair mais cedo também.

Já se você chega atrasado para o colégio, bom, converse com seus pais. Pode ser você não esteja feliz com a sua escola por algum motivo. O legal é sempre ter um diálogo aberto com seus pais. Eles poderão te ajudar.

Eu me Auto Saboto

A auto sabotagem é um sintoma comum. Por incrível que parece, muitas pessoas se auto sabotam o tempo todo. A gente fala que está feia e aí nem se arruma mais, que está gorda e aí come mais ainda, que ninguém nos ama e aí afastamos as pessoas, enfim, nos auto sabotamos o tempo todo. Mas o certo é a gente buscar ao máximo nos protegermos, nem que seja de nós mesmas. Somos as únicas reais responsáveis pela nossa vida. Devemos lutar por ela, cuidar dela e devemos ser boas e amáveis com nós mesmas. Cuidado para não ser você mesma, a sua própria “madrasta má”.

Eu me esforço muito, mas não consigo chegar no horário nunca

Bom, neste caso, como falaram os estudiosos acima, você pode estar sofrendo com alguma condição psicológica. Se estes atrasos estão prejudicando a sua vida como um todo, o ideal é sim buscar uma orientação média, um psicólogo ou até mesmo um psicanalista. Certamente com um acompanhamento médico você poderá resolver inúmeras questões de dentro para fora.

Dicas para não se atrasar mais

  • Escolha a roupa que vai usar no dia seguinte, na noite anterior;
  • Deixe a bolsa pronta para sair, faltando poucos objetos, apenas aqueles que devem ficar fora da bolsa durante a noite;
  • Programe o despertador 20 minutos mais cedo, e vá dormir 20 minutos mais cedo também.
  • Tente programar o seu sono para ciclos de 1:30, ou seja, durma 6 horas, ou 7:30 ou 9 horas, mas sempre fechando ciclos de 1:30;
  • Tenha sempre um plano B para imprevistos;
  • Superestime o tempo de deslocamento de um local para o outro;
  • Reavalie quanto tempo dura o seu banho;
  • Elimine de sua rotina coisa que lhe tiram muito tempo e que não trazem tantos benefícios, como ficar muito tempo nas redes sociais e assistindo televisão, por exemplo.